30/09
Aluna do Raízes se apresenta no Vasques

A Thalita Motta, nossa aluna do 2º ano, vai se apresentar neste domingo (6) no Acústico Underground.

O evento, que será às 18 horas no Theatro Vasques (rua Doutor Corrêa, 515, Carmo), vai reunir diversas bandas – entre elas a da Thata – para mandar um som desplugado (os ingressos custam R$ 10).

Já pudemos ver o talento da Thalita por várias vezes na escola, seja nos eventos ou na hora do intervalo, mas esta é uma oportunidade bacana de vê-la com a sua banda, tocando vários instrumentos.

A gente conversou rapidinho com ela para saber mais sobre o seu envolvimento com a música, que é praticamente algo que ela traz no DNA. Olha só!

Como você entrou para o mundo da música?
Minha família sempre esteve envolvida com música. Meus pais tinham uma banda de rock, eles inclusive se conheceram por conta disso. Quando eu era pequena, minha avó se matriculou em aulas de violão e teclado, mas eu que fazia no lugar dela, tinha 7 anos na época. Dois anos depois comecei a fazer também bateria e canto. Há dois anos estive nos Estados Unidos e só não cantei no American Idol, pois não tinha a idade mínima, mas tive a oportunidade de me apresentar em um festival. Eu gosto de cantar e tocar e ainda bem que as oportunidades aparecem.

Em que bandas você toca?
Toco na banda da minha família, a The Family Paula’s, e também com amigos da escola Underground, onde faço aula. Costumo revezar nos instrumentos e a tocar de tudo, mas tenho preferência por rock.

Você pretende seguir carreira profissional?
Eu até gostaria, mas a concorrência é muito grande. Em um dos aniversários de Mogi das Cruzes, tive a oportunidade de estar com Milton Nascimento, Lô Borges e Flávio Venturini, todos deram força, mas destacaram o quanto é necessário se dedicar à música para ter o sucesso que a gente quer. Eu nunca vou deixar de tocar e cantar, mas vou cursar Direito assim que terminar o ensino médio. Também vou participar de uma seletiva, em novembro, para estudar desenho na Alemanha. Vamos ver se dá certo, né?

27/09
Cinemateca do Raízes: Gigantes de Aço

Recomendação do professor Fabio, de geografia, o filme “Gigantes de Aço” mistura lutas, tecnologia e um bom exemplo de superação.

Na Cinemateca do Raízes desta sexta-feira (27) o professor já dá a dica para o filme do fim de semana. Olha só!

Gigantes de Aço

Sendo sincero, não dava muito valor pela história, conhecida por meio de sinopse e críticos de cinema. O que me faz pensar uma coisa: VEJA O FILME! NÃO SE BALIZE POR OUTROS!

Retomando, o filme é uma mistura dos chamados clichês de histórias de boxeadores: perseverança, uma criança, superação de limites, choque entre o novo e o tradicional, duelo homem X máquina. Resumindo, é como uma mistura de todos os “Rocks” com “Touro Indomável” e “O Lutador”.

No entanto, o enredo é dinâmico e a história cativa. Digo isso porque o filme se fixa em valores que têm sido abandonados em nossa sociedade: solidariedade, família, orgulho próprio, coragem, apego a sentimentos que nos dão sentido e realização.

Os efeitos especiais, apesar de ficarem apenas na captação de movimentos para dar vida aos androides, são bem feitos e deixam o filme leve e prazeroso (destaque para as cenas de dança do garoto e seu robô lutador). Bom filme!

26/09
Você conhece todos os tipos de amor e felicidade?

Com uma câmera na mão e várias ideias na cabeça, os alunos Sérgio Henrique, Gabriel Lafuente, Henrique Botelho, Lillian Sayuri, Pamella Tamura e Alessandra Mukotaka, do 1º ano B, produziram um vídeo muito bacana para a aula de filosofia.

O professor Rafael pediu para que o grupo definisse alguns conceitos filosóficos. No vídeo, a galera faz pequenas demonstrações muito divertidas para explicar os tipos de amor e felicidade. Olha só!

25/09
Bate-Papo no Raízes com Weberson Santiago

O ilustrador Weberson Santiago participou nesta quarta-feira (25) de mais uma edição do Bate-Papo no Raízes.

Para a galera do ensino médio e do 9º ano do fundamental, ele falou um pouquinho sobre a rotina de um ilustrador e mostrou muitos dos trabalhos bacanas que ele faz.

Além de dar aula na Quanta Academia de Artes e na Universidade de Mogi das Cruzes, o Weberson também é ilustrador da Folha de São Paulo e colabora para revistas como Rolling Stone, Galileu e MTV.

Com a sua esposa Stella Elia, lançou recentemente os livros “Pipa ou Papagaio” e “Hipopô”, que eles inclusive já mostraram para os nossos alunos na serra.

Para ver as fotos do bate-papo que rolou no ensino médio, é só clicar aqui e ver as imagens no Flickr do Raízes.

 

Lembrete: ida ao Theatro Vasques

Nesta quinta-feira (26) tem peça teatral para o pessoal do ensino médio.

Quem for assistir à “Vidas Secas”, com a Cia. Realce no Theatro Vasques, deve chegar ao local às 9h30, ok?

Os pais devem buscar os alunos no teatro – localizado na rua Doutor Corrêa, 515, centro – às 12h00.

E para quem não vai à peça, não haverá aula, certo?

Bom teatro!

 

24/09
Simulado do Enem para o terceirão

Recado rápido para a galera do terceirão: neste fim de semana – dias 28 e 29 de setembro – tem simulado do Enem para vocês.

A ideia é simular como será a prova do Exame Nacional do Ensino Médio, que já está chegando, para que vocês fiquem afiados para o dia do Enem.

As provas serão aplicadas na unidade do centro, às 13 horas. Cheguem com antecedência de pelo menos meia hora, pois depois que os portões forem fechados, ninguém entra (assim como no Enem), ok?

Quem tiver alguma dúvida pode deixar um comentário aqui no blog.

Grafite no Brasil

O grafite, mais do que uma forma de protestar ou se expressar, é também uma das mais bacanas formas de arte. Também que ele também está presente no Raízes.

Nos bancos do pátio ou em cartazes feitos durante as aulas e expostos pela escola, o grafite é uma forma das turmas deixarem sua marca. Mas você sabe como surgiu o grafite e como ele chegou ao Brasil?

Para quem quiser saber mais sobre este movimento, a professora Amarilis indica o vídeo Grafite no Brasil, que tem uma entrevista muito interessante com Os Gêmeos, dupla brasileira de grafiteiros que é referência aqui e no mundo.

23/09
Ex-aluno também faz história

A quadra do raízes do ensino médio foi tomada pelas cores roxa, laranja e verde no último sábado (21). É que rolou o Dia do Decora da serra.

Uma das tarefas mais bacanas foi a “Ex-aluno também faz história”, em que cada equipe foi desafiada a levar ex-alunos do Raízes na gincana. Olha só a galera que participou!

Muito bom receber esta turma que também faz parte do Raízes! Mais fotos da gincana podem ser vistas no Flickr do Raízes, clicando aqui.

20/09
Cinemateca do Raízes: Operação Valquíria

A dica de filme para esta sexta-feira (20) é do professor Rafael e é bacana para quem quer entender melhor fatos da Segunda Guerra Mundial.

“Operação Valquíria”, filme de 2008 dirigido por Bryan Singer, se baseia na ação de um grupo de oficiais que planejou assassinar Hitler. A operação também previu a implantação de um governo substituto. Se liga no trailer: