04/06
My life as a refugee

246x0wNas aulas de Inglês os alunos do 2° ano trabalharam com as questões de imigração, migração e emigração. Com foco nos ocorridos da Síria e os problemas que as pessoas passam diariamente: sem suporte, com medo, decisões que devem ser feitas de imediato.

Com isso a UNHCR uma ONG que ajuda refugiados desde 1951 e já ajudou mais de 10 milhões de pessoas a reconstruírem as suas vidas, possuí campos de apoio em mais de 125 países.

A Ong criou um “jogo”, que você pode encontrar no link: My Life as a Refugee – UNHCR, que foi utilizado para trabalhar com os alunos, as situações difíceis e as consequências das decisões feitas no momento.

16/05
Um bom filme para aprender

0bd2eb446c1a5d7742f88c29cc58f9fe

capa-celular-moto-g-g2-poderoso-chefo-godfather-filme-D_NQ_NP_692301-MLB20296272302_052015-FOs filmes foram feitos para emocionar, alegrar e surpreender .Muitos deles mostram personagens com características bem marcadas. Características culturais, seja nas gírias, ou no sotaque, seja no modo de viver ou através de fatos relembrados de acordo com seu lugar de origem.

Os filmes tem uma importância cultural muito grande, pois é através deles que descobrimos os costumes de terras, as quais nunca visitamos. Um bom filme promove várias reflexões nos alunos e no professor, estabelecendo uma intensa relação no processo ensino –aprendizagem.

A cinematografia é uma excelente ferramenta para contextualizar os conteúdos estudados nas apostilas. Então seguem algumas dicas para os alunos:

Para os alunos do 3º ano indicamos “ The God father”, “ The god, the bad, and the ugly” e “Diários de motocicleta”.

Para o 2º ano, já indicamos “An inconvenient thruth”, “ Os dez maiores desastres naturais” e “ The get down”.

E 1º ano os filmes são “ Marley e eu” e “Sempre a seu lado”.

Agora é só preparar a pipoca e se emocionar!

20/04
Quanto custa a energia?

IMG_0628 IMG_0632A energia elétrica é parte fundamental do nosso dia a dia. Hoje é muito difícil imaginar a vida sem as facilidades e os benefícios que os aparelhos eletrônicos nos proporcionam.

Tão importante quanto reconhecer sua importância histórica é saber otimizar o uso da energia no nosso cotidiano.

A aula de física teve esse propósito. Nessa atividade, os alunos foram divididos em grupos, e foi atribuído a cada um deles um envelope correspondente a um cômodo da casa.

Cada envelope continha diferentes aparelhos eletrônicos e suas respectivas potências. A proposta da atividade era estimar o gasto mensal de energia da casa.

Cada grupo discutiu o tipo de uso típico dos aparelhos e calculou o gasto de energia. Pesquisando sobre o valor de KWH no Estado de São Paulo, foi possível complementar a atividade  e calcular o valor total da conta.

Além do aprendizado físico, a atividade proporcionou uma sensibilização a respeito do nosso custo de vida.