12/06
Aulas divertidas de geografia

1ºA

Para falar sobre assuntos como sustentabilidade e miscigenação do povo brasileiros, as turmas do 1º e 3º anos tiveram aulas diferentes.

Com o terceirão, rolaram diversas apresentações mostrando as misturas do povo brasileiros, assim como as origens e desdobramentos decorrentes disso.

Já o 1º ano brincou de “Amigo Secreto – Sustentabilidade”. A ideia da atividade foi demonstrar que é possível reutilizar uma série de materiais para dar um novo destino a eles.

A turma se divertiu bastante e entendeu como é importante aproveitar produtos, para tornar o mundo um lugar mais sustentável.

IMG-20170531-WA0005 IMG-20170531-WA0006 IMG-20170531-WA0008

09/06
Recuperação paralela de Física

Tem alguém com dúvidas sobre Física? Chegou a hora de resolvê-las!

Vai rolar uma recuperação paralela da disciplina na próxima quarta-feira, dia 14.

A aula será das 14 às 15h30.

Aproveitem para tirar todas as dúvidas!

07/06
Dicas de filmes em espanhol

Aproveitando que o 3º ano está estudando um pouco de cinema e tevê na aula de espanhol, o professor Roberto Carlos enviou ao blog uma lista com algumas indicações para ajudar a turma.

Os filmes são:
Damian La Profecia
El Padrino
En Bueno El Malo y El Feo
Y Finalmente
Pesadilla en la Calle del Infierno

Agora é assistir aos títulos e treinar o espanhol!

02/06
Entrevista com o Rafael, do 1º ano

2017-06-01-PHOTO-00000289

Hoje é dia de batermos um papo com o Rafael, do 1º ano, sobre capoeira.

Veja a entrevista:

Colégio Raízes: Como começou a jogar capoeira?
Rafael: Meu pai é Mestre, então ele sempre jogou e sempre quis que eu jogasse.

Colégio Raízes: Desde quando pratica?
Rafael: Desde os meus 2 anos.

Colégio Raízes: Como a capoeira ajuda no seu dia a dia?
Rafael: Ela me ajuda a ter disciplina e não usar para agredir as pessoas.

Colégio Raízes: O que mais gosta na capoeira?
Rafael: O fato de ela me educar e também me levar para viajar e conhecer o mundo.

Colégio Raízes: Explique um pouco o que é a capoeira?
Rafael: Capoeira é uma luta disfarçada de dança, porque naquela época os escravos não podiam fazer lutas, então eles fingiam que estavam dançando e quando o senhor do engenho chegava perto eles o atacavam.

Colégio Raízes: Qual dica dá para quem quer começar a jogar?
Rafael: Não vá para a capoeira com o intuito de machucar alguém, porque não é isso que ela propõe.

Recuperação paralela

Está com dificuldades em química? Seus problemas acabaram!

Vai rolar uma recuperação paralela para todo mundo tirar as dúvidas da disciplina.

Será na próxima segunda-feira, dia 5, das 14 às 15h30.

Separe suas dúvidas e aproveite para resolvê-las!!!!

15/05
Ligação da Física com o dia a dia

IMG_3961

Partindo do conceito que a Física é a ciência que explica o mundo em que vivemos, o 1º e 3º ano tiveram atividades que demonstram essa ligação na prática.

O pessoal do terceirão aprendeu a calcular a conta de energia de uma casa. Eles utilizaram dados da potência dos eletrodomésticos mais comuns e a estimativa do tempo de uso de cada um.

Ao final, eles descobriram o quanto de impacto os aparelhos podem ter no valor da conta mensal.

Já o 1º ano praticou a equação horário do espaço do movimento uniformemente variado.

Utilizando uma bolinha e um cronômetro, eles estimaram a aceleração da gravidade na sala de aula, descobrindo como essa constante é calculada.

IMG_3956

05/05
Descubra o que é o poomsae com a Jessica, do 1º ano

IMG-20170427-WA0001

A Jessica Hitomi, do 1º ano, pratica uma modalidade que muita gente não faz ideia do que é: o poomsae. Descubra um pouco mais sobre isso na entrevista abaixo:

Colégio Raízes: Você pode explicar o que é a modalidade?
Jessica Hitomi: É uma modalidade, ligada ao taekwondo, que consiste em uma série de movimentos de defesa e ataque. Cada faixa tem o seu movimento específico.

Colégio Raízes: Como começou a praticar?
Jessica: Foi o próprio professor de taekwondo que indicou.

Colégio Raízes: Há quanto tempo você pratica o poomsae?
Jessica: Comecei há seis anos.

Colégio Raízes: O que você mais gosta na modalidade?
Jessica: Gosto muito de poder competir e ver o quão bom as pessoas fazem esses movimentos.

Colégio Raízes: Como é a preparação para as competições?
Jessica: O maior foco dos meus treinos é a elasticidade.

Colégio Raízes: O que é mais difícil nos treinos e o que você mais gosta?
Jessica: O alongamento de flexibilidade é complicado, e é bem difícil manter chutes altos no ar. O que mais gosto nos treinos é poder ensinar outras pessoas.

Colégio Raízes: No que o poomsae ajuda no dia a dia?
Jessica: Principalmente na postura e na disciplina.

Colégio Raízes: Qual dica você dá para quem quer começar a praticar?
Jessica: Precisa ter força de vontade e perseverança, pois a caminhada para poder se tornar um faixa preta é longa.