Blog Raízes da Serra

Colégio Raízes

17/10
A metamorfose da borboleta

2º ANO (3)

A melhor forma de aprender é vivenciando.Os alunos do 2º ano realizaram uma experiência de observação para acompanhar a metamorfose da borboleta.

Ao longo da experiência, os alunos puderam acompanhar cada fase do processo de transformação, desde a captura da lagarta até a libertação de uma borboleta.

A atividade teve como objetivo reconhecer a importância das borboletas para o meio ambiente;perceber o ciclo da vida;despertar a curiosidade para a pesquisa e  a observação;identificar as etapas de transformação de uma borboleta;analisar e registrar informações com base em dados obtidos durante a experiência.

Em cada etapa os alunos se surpreendiam com as transformações, e refletiam sobre ela, despertando seu senso crítico e perceptivo.

Podemos ver tudo no vídeo:

16/10
Vida de diretor

peça 03

O aluno Gustavo Ferrari do 4º ano, preparou um roteiro de uma peça de teatro para ser apresentado no colégio. Baseando-se no seu sonho de profissão que é ser um Diretor, ele pensou em todos os detalhes da peça, como desenvolvimento do roteiro, cenário e personagens, e como na vida real, comandou todos esses setores.

E para conhecer um pouco mais do seu interesse por essa profissão tão multidisciplinar, fizemos uma entrevista com ele. Vamos conferir?

1. Como você percebeu interesse por essa profissão?

R: Lendo muitos livros

2. Houve apoio da família para montar a peça? Como foi?

R: Sim. Meu pai arrumou o cenário e minha mãe me ajudou a escrever o roteiro

3. O que você gosta de fazer nas horas vagas?

R: Gosto de ler, mexer no celular e assistir televisão.

4.Como é seu dia a dia?

R: Normal, mas acordo muito cedo, pois sou de Guararema.

5.Acredita que seu desejo possa virar sua profissão ou será apenas um hobby?

R: Uma profissão

6. Sobre essa profissão de Diretor, você faz pesquisas, trabalhos ou leituras?

R: Sim, faço muitas leituras.

Para ver as fotos do elenco e cenário, clique aqui

Exercendo a função de maestro

música (1)

Para que a arte instrumental siga rigorosamente o tempo rítmico, a dinâmica e o andamento indicado na partitura do compositor, é necessário um líder que mantenha a ordem da orquestra, pois do contrário, seria fácil cada músico perder a marcação do tempo em relação aos outros.

Aqui entra a figura do maestro como gerenciador do sistema musical. A figura do maestro, tal como conhecemos hoje, nasceu da necessidade de especializar um músico para providenciar o equilíbrio dos músicos.

O professor de música propôs então que os alunos exercessem essa função, utilizando as cantigas de roda para exercitar.

O aluno escolhido fará o papel de maestro, contar a pulsação fazendo o ritmo e toda a sala de aula deve acompanhar o maestro.

Tudo isso com o objetivo de estimular a atenção, trabalhar a pulsação rítmica, concentração e percepção sonora.

Confira as outras fotos aqui!

11/10
Feira de Ciências

VI Feira de Ciencias_Raizes-01 (1)

 

A 6ª edição da feira de ciências, acontecerá na próxima quarta-feira dia 18/10 as 8h às 12h, na Unidade da Serra.

Lembramos também que a apresentação da educação infantil e 1º ano será às 8h.

Todos estão convidados!!

Diversidade de pintura

WhatsApp Image 2017-10-09 at 20.02.30 (1)A professora de artes trabalhou com os alunos diferentes técnicas de desenho e pintura.

No 7º ano, a técnica foi com tinta tempera artesanal com a base de gema de ovos e corante. Este tipo de pintura é do período renascentista. O aluno além de aprender a fazer tinta natural, pinta o desenho aprendendo a composição e variação de tonalidades das cores.

Já no 8º ano, os alunos trabalharam sobre o Patrimônio Cultural. Fizeram pesquisas sobre o Patrimônio Cultural e produziram cartazes usando a criatividade, com pintura e noções espaciais.Essa atividade proporcionou o conhecimento sobre a cultura nacional e a preservação de patrimônios artísticos.

E no 9º ano, os alunos reaproveitaram materiais para fazer arte. A técnica utilizada foi de pintura em madeira e carimbo de folhas. Essa técnica utiliza as sobras de construção. Os alunos puderam criar materiais alternativos inspirados na natureza, como o carimbo de folhas.

Vamos conferir esses trabalhos? Clique aqui

10/10
Montando frases com figuras

1º ano (3)A proposta da professora do 1º ano, foi que os alunos estruturassem uma frase corretamente a partir das figuras expostas.

Pensando no processo de alfabetização, sabemos que é mais complexo do que se imagina, pois é a partir dele que milhares de pessoas aprendem a ler e escrever.

É essencial praticar a leitura e a escrita no cotidiano escolar “trabalhar com palavras”, propiciar aos alunos refletir sobre elas, montá-las e desmontá-las.

Com isso, mesmo ainda sem saber ler convencionalmente, os alunos poderão se apoderar de algumas estratégias de leitura: estratégias de antecipação, de checagem de hipóteses, de comparação, entre outras.

O objetivo da atividade foi desenvolver nos alunos a imaginação, e o contato com as palavras, para que assim pudessem estruturar frases semanticamente corretas.

Veja outras fotos clicando aqui!

Hands on English-sustentabilidade

hands on english (19)

A edição do Hands on English desse mês,  foi sobre sustentabilidade e de como podemos ajudar o planeta.

A educação infantil trabalhou também elementos da primavera.

Vamos conferir as fotos? Clique aquiIMG-20171007-WA0019