16/05
Poema e Poesia-Uma questão de provocação

REDAÇÃO (7)

REDAÇÃO (9)

Para compreenderem a diferença entre Poema e Poesia, os alunos fizeram uma releitura das poesias de Cecília Meireles.

Entenderam que as poesias são caracterizadas pela utilização de recursos para expressar a linguagem de forma especial e diferente do normal, e provoca diversos efeitos de sentido naqueles que recebem a mensagem.

Dentre os recursos usados para causar efeitos e sensações, estão os recursos sonoros, como por exemplo, o ritmo, a rima, e o uso da linguagem para sugerir imagens, como as metáforas e as personificações, por exemplo.

Entretanto, os poemas são também poesias, mas usam a palavra como matéria prima. Trata-se de obras em verso, composições poéticas, ou ainda refere-se à arte de retratar no papel a poesia.

O 6º ano, além de desenvolver a habilidade de leitura, que lhes permitiu distinguir um texto do outro, e forma de escrita, compuseram seus próprios poemas. O 7º ano construiu um lindo soneto em grupo.

No 8º ano, os alunos aprenderam sobre figuras de linguagem e foram buscar nas músicas da atualidade os exemplos de emprego da Catacrese,  Sinestesia e Perífrase.

Já o 9º ano aprendeu estrutura de Hakai e poesia concreta. Buscaram nas poesias de Paulo Leminski a inspiração para confeccionar um lindo cartão de dia das mães.

Confira aqui esse aprendizado!

02/03
O humor nas charges

Apesar de ser uma ilustração, a charge também é considerada um gênero textual. Ela é composta pelas linguagens verbal e não verbal para tratar do humor com ironia.

As charges são tipos de textos que podem ser usados para denunciar e criticar as mais diversas situações do cotidiano relacionadas com a sociedade.

A turma do 9º ano aprendeu mais sobre a construção do humor por meio da charge na aula de redação. Na atividade proposta, os alunos perceberam a mensagem implícita por meio de diferentes gêneros textuais.

As imagens dessa atividade já estão no Flickr do Raízes. Para vê-las, é só clicar aqui.